Editora Novo Conceito

Publicidade

Banner exemplo

Eles também gostam de histórias de amor!

01 de Julho de 2014 | Tammy Luciano

Fico muito feliz quando sei que os homens estão lendo meus livros. Afinal, eu escrevo sobre pessoas, homens, mulheres e famílias. Acho meio bobo esse negócio que homem não pode ler história de amor. Por que não se eles fazem parte desse processo? Amo escrever sobre relações e encontros, e as mulheres não vivem isso sozinhas. Todos nós queremos um coração feliz com um amor para chamar de nosso.

Tudo isso é para dividir com vocês que, em menos de 24 horas, dois rapazes vieram me contar: o Rafael Botter leu Garota Replay e avisou que em breve tem resenha. E o Cláudio Quirino me mandou mensagem dizendo: "Tammy, advinha só qual livro estou lendo nesse exato momento? Essa Piera é uma comédia. Claro que te amo!


Essa não é a primeira vez que confirmo leitores homens na história da minha vida. Uma vez, confesso, me surpreendi. Explico: em uma pequena fila formada, um rapaz muito forte, segurando Claro que te amo!” e sorrindo para mim. Quando chegou a sua vez, segurei o meu livro e perguntei:

- Para quem é o presente? Qual o nome dela?

- É para mim mesmo, amo ler histórias de amor!

Ali me toquei de como estava sendo preconceituosa, pensando como a maioria. Um homem forte não pode ler um livro meu? Por que não? Só escrevo para mulheres? Não, escrevo para seres humanos, sejam eles de qualquer sexo, raça, credo e nacionalidade. A imagem desse rapaz de academia me fez sempre lembrar dos meus leitores masculinos na hora de escrever minhas histórias.

Lembro de um amigo, há anos, me contando: “Seu livro é muito feminino. Muita gente estava me olhando no aeroporto por causa da capa. Só por você eu pago um mico desses”. Será que de lá para cá mudamos e estamos mais abertos a entender um homem querendo viver as emoções de um encontro de amor?

Talvez até o próprio mercado esqueça que um homem pode ler uma trama romântica, assim como sei de mulheres que amam romances policiais, de suspense e o mercado não coloca esse público como alvo para tais gêneros. Se já quebramos tantos tabus e questões sociais em relação a preconceitos, que foram capazes de nos atrasar e fomos capazes de começarmos a questionar sobre cada um de nós como indivíduos, por que não entender que homens estão lendo livros de amor? Afinal, leituras são bem íntimas e pessoais. E, seja como for, sendo homem ou mulher, somos seres humanos em busca de um mundo melhor que pode sim estar dentro de um livro.

Termino o texto dessa semana agradecendo os meus leitores homens. Vocês são tão especiais para mim quanto as leitoras que gostam do meu trabalho. Me emocionam com a mesma intensidade.

Sejam sempre felizes!

Até semana que vem!

Nenhum comentário

Seja o primeiro a comentar

avatar novo conceito

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Receba nossa newsletter

Fique por dentro das novidades

Grupo Editorial

Novo Conceito

UMA EQUIPE JOVEM, pronta para DESTACAR-SE NO MERCADO PUBLICAndo CONHECIMENTOS, lançando autores E FAZEndo HISTÓRIA.