Editora Novo Conceito

Publicidade

Mostre sua estante!

19 de Março de 2014 | Marina Carvalho

Tenho o maior orgulho da minha estante de livros. Faz três anos que paguei um marceneiro para que ele a fabricasse do jeitinho que eu sonhava. Tudo bem que sobraram umas frestas aqui e ali, mas o espaço, a riqueza de prateleiras e as portas de correr de vidro saíram de acordo com minha encomenda.

Na minha estante, todos os livros são organizados por ordem alfabética, independente do gênero, editora e nacionalidade. A única exceção permitida foi aberta aos clássicos, afinal, eles têm direitos adquiridos pela idade. Ou seja, ocupam a prateleira mais alta, uma espécie de altar literário.

Quando alguém me visita, costumo levar meu convidado a um tipo de passeio, um tour guiado, para conhecer meu acervo. E a reação de todos é mais ou menos assim: O.o Eles ficam admirados, de boca aberta, tentando entender o que leva uma pessoa a colecionar tantos livros.

Quem me conhece bem sabe o tamanho da minha paixão. É desnecessário reproduzi-la em palavras. Faço isso muito melhor por meio da minha querida estante.

No entanto, aqueles que pensam que é fácil mantê-la limpa e organizada estão cometendo um engano. Levo horas retirando a poeira, espanando minhas relíquias, preocupada em garantir o bem-estar das obras. Afinal, elas são minhas preciosidades, meus xodós, motivos de orgulho e muito ciúme.

Sendo assim, apreciar a estante é permitido. Só não garanto o empréstimo do que tem dentro dela. Livro emprestado? Hum... Só se o nome da pessoa estiver na lista VIP. Para que ela tenha esse... privilégio, precisa ser de confiança e provar que sente o mesmo carinho que dispenso a meus livros.

De acordo com minha última contagem, hoje guardo pouco mais de 600 títulos em casa. Entre eles, exemplares que li na infância (Como uma onda no mar, O barquinho amarelo, Júlia dos sete aos dezessete), histórias épicas, edições em língua estrangeira – inclusive um romance russo que guardo apenas para me exibir um pouquinho (risos) –, autoajuda para pais de primeira viagem, livros técnicos da área jornalística e de educação, além de muitas, mas muitas mesmo obras contemporâneas.

Lá dentro ainda guardo areia do deserto, coelhinho Sansão, DVDs de filmes que amo, presentes de fãs e minhas estimadas canecas.

Também com orgulho declaro que boa parte da coleção é formada por autores nacionais, do passado e de agora. De alguns, tenho todos os livros publicados até então – e pretendo aumentar a família, sempre.

Sou alucinada por minha estante. Coruja, ciumenta, xiita.

E você? Também tem uma? Gostaria de conhecê-la. Que tal mandar uma foto dela através do meu site? Ou descreva-a aqui mesmo, no campo de comentários.

Espero que tenham gostado do texto de hoje.

Deixo aqui o meu abraço. Até semana que vem!

Nenhum comentário

Seja o primeiro a comentar

avatar novo conceito

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Receba nossa newsletter

Fique por dentro das novidades

Grupo Editorial

Novo Conceito

UMA EQUIPE JOVEM, pronta para DESTACAR-SE NO MERCADO PUBLICAndo CONHECIMENTOS, lançando autores E FAZEndo HISTÓRIA.

  • Emily Giffin

    UMA PROVA DE AMOR

    Emily Giffin