Editora Novo Conceito

Publicidade

Com a palavra as minhas meninas

19 de Dezembro de 2013 | Marina Carvalho

Outro dia, no meu site, cedi um espeço para que meus personagens masculinos dialogassem entre si. Foi uma brincadeira espontânea, uma espécie de insight que tive de repente e ao qual resolvi dar ouvidos. O resultado ficou legal. Os acessos ao post pipocaram por dias e o retorno dos leitores, por meio de mensagens fofas, foi incrível. Quem quiser conferir pode clicar aqui.

Hoje, por outro lado, quem tem me incomodado são as meninas, minhas protagonistas queridas, minhas garotas superpoderosas. Elas reclamam que eu sou tendenciosa por adorar exibir os meninos. Então, para provar para aquelas quatro ciumentas de que no meu coração há espaço para todos, convido-as a assumirem a coluna desta semana, se me permitem, é claro.

Tudo certo? Beleza! Fiquem à vontade, garotas!

ANA: Sou a primeira das protagonistas criadas pela Marina, quero dizer, a primeira a ser apresentada ao público.

CAROL: Sim, Ana, você é a primeira, mas não acredite que seja a mais importante. Essa coisa de ser primogênita não significa favoritismo.

ANA: Eu não disse isso, Carol. Disse? Que gênio, hein!

RAFAELA: Meninas, a gente não precisa discutir. Sabemos que todas somos importantes para a Marina, até mesmo a Luma, que mal nasceu.

LUMA: Ei! Nada a ver isso que você falou, Rafa. Minha história pode não estar pronta ainda, mas a Marina já me conhece muito bem. Vocês não imaginam há quanto tempo ela traçou meu perfil. Sendo assim, não devo nada a ninguém.

ANA: A verdade, meninas, é que todas nós temos nosso valor, porque somos únicas, diferentes umas das outras, e com personalidades marcantes.

MARINA: Ana, você está certa. Não existe hierarquia de preferência para mim. Sabem por quê? Porque todas são importantes para que minhas histórias possuam identidade. Vejam como:

  • A Ana é meiga, carismática, delicada. Porém não faz o tipo donzela em perigo. Isso a transforma numa heroína meio às avessas, com seu humor afiado, sua incapacidade de ser injusta e sua simplicidade. Sem contar que a química dela com o Alex é perfeita.

A Carol, de ELA É UMA FERA!, faz jus ao título de megera. Sua personalidade é tão forte que, às vezes, eu a sentia mandando em mim enquanto escrevia a releitura de “A megera domada”. E era hilário. Eu queria de um jeito; ela, de outro. Por fim, acho que deu certo. Que as demais não escutem, mas eu amo a Carolina Batista, talvez porque ela tenha nascido da Catarina, a megera-mor. (risos)

  • Já a Rafaela é toda doidinha. Vocês já vão conhecê-la, afinal AZUL DA COR DO MAR chega logo, logo às livrarias. A Rafa é inteligente, focada, determinada, mas meio confusa também. Acredito que esse seja o principal charme dela. Mineira até o último fio de cabelo – novidade! –, essa protagonista é engraçada sem querer.
  • A Luma é minha caçulinha até então. Diferente de todas as protagonistas que já criei, vem para exigir de mim minha entrega total à obra dela. Ela é sombria, meio problemática, e ainda não descobriu a direção que pretende dar à vida. Sua relação com o Dante bad boy vai ser de incendiar as páginas da história. Prometo!

E aí? O que acharam? Conseguem relacionar minhas meninas a alguém que conheçam? Uma cantora, uma atriz, talvez? Eu já tenho meus parâmetros estéticos. Gostaria de trocar ideias com vocês.

Adorei o papo de hoje.

Aproveito para desejar um lindo Natal a todos os leitores. Encontro vocês na semana que vem. Fui!!

1 pessoa comentou

Deixe seu comentário

avatar novo conceito

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Luciana Santana

Luciana Santana - 20 de Dezembro de 2013 às 16:02

Feliz Natal pra vc tb! Nossa preciso conhecer as outras garotas!!!! ?

Compartilhar via Facebook Logar via Twitter

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Receba nossa newsletter

Fique por dentro das novidades

Grupo Editorial

Novo Conceito

UMA EQUIPE JOVEM, pronta para DESTACAR-SE NO MERCADO PUBLICAndo CONHECIMENTOS, lançando autores E FAZEndo HISTÓRIA.

  • Emily Giffin

    UMA PROVA DE AMOR

    Emily Giffin