Editora Novo Conceito

Publicidade

Minha paixão pelos textos de Gabriel García Márquez

23 de Abril de 2014 | Graciela Mayrink

Semana passada prometi que falaria dos meus autores favoritos na coluna de hoje, mas infelizmente o mundo da literatura perdeu um de seus principais personagens.

Quinta-feira foi um dia triste quando li que Gabriel García Márquez faleceu. Conheci o texto de Gabo através da minha irmã. Ele é o seu autor favorito e a notícia de sua morte chegou com tristeza aqui em casa.

GGM não consta na minha lista de favoritos, mas nem por isso deixo de gostar de seus textos. Já li uns seis livros do autor e adorei todos. O meu preferido dele é sua autobiografia Viver Para Contar. Foi o primeiro livro dele que li e me apaixonei de imediato.

Pouco depois de terminar de escrever Até Eu te Encontrar, Flávia me entregou Viver Para Contar e disse: “acho que você vai gostar deste livro”. E gostei. Na verdade, me indentifiquei com a trajetória do autor. Na época, eu lutava para que alguma editora quisesse publicar meu livro, havia abandonado minha carreira para seguir a vida de escritora e precisava desesperadamente continuar acreditando no meu texto.

Comecei a ler a vida de García Márquez e percebi várias similaridades na forma de escrever, de criar personagens. E fiquei feliz quando descobri que ele fazia a mesma coisa que eu: ter o final do livro escrito antes de chegar na metade dele.

Aprendi muito conforme fui descobrindo a arte da escrita de Gabriel, não tem como não se apaixonar pela sua pessoa e pela sua forma de escrever. Logo depois, li Crônica de Uma Morte Anunciada, um livro que recomendo para quem nunca leu nada do autor. É uma excelente forma de começar a descobrir seu mundo literário.

O que acho mais incrível em Gabriel, como escritor, além do seu processo de escrita, é o fato de ele escrever diferentes tipos de livros e não se perder em nenhum. Pode ser um romance baseado ou não em uma história real, um relato jornalístico, uma autobiografia, qualquer coisa que GGM escreveu, ele fez de forma magistral. E, na minha opinião, é isto que o torna um grande escritor. Ele pode ter ido embora, mas sua obra ficará para sempre nas livrarias e bibliotecas, para que cada dia novas pessoas se apaixonem pelos seus escritos, como minha irmã se apaixonou, como minha irmã fez eu me apaixonar.

Até a próxima semana!

Nenhum comentário

Seja o primeiro a comentar

avatar novo conceito

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Receba nossa newsletter

Fique por dentro das novidades

Grupo Editorial

Novo Conceito

UMA EQUIPE JOVEM, pronta para DESTACAR-SE NO MERCADO PUBLICAndo CONHECIMENTOS, lançando autores E FAZEndo HISTÓRIA.

  • Emily Giffin

    UMA PROVA DE AMOR

    Emily Giffin