Editora Novo Conceito

Publicidade

O melhor presente

04 de Agosto de 2014 | Christine M.

Hoje é o meu aniversário e, acredite, aos trinta e três, apagar velinhas não é bem uma novidade. Embora eu sempre tenha sido do time dos entusiasmados e assopradores de velinhas, com o tempo, a graça foi diminuindo.

Não me importo em envelhecer, celebro cada ano que passa e que leva consigo o que lhe pertence, deixando somente o que eu preciso para continuar em frente. Eu gosto da minha idade, gosto do que eu vivi, gosto do que construí e gosto ainda mais de todas as marcas que fazem de mim quem eu sou. A questão é que o chapéu, a língua de sogra e o pique-pique não são mais a prioridade do meu dia. Valorizo mesmo é o abraço, o olhar e os bons desejos. Fico feliz em me deitar no sofá com as minhas duas filhas, em tomar chá com meus pais, dar risada com meu marido e tagarelar com uma amiga.

Sei que dizer isso é piegas e também um enorme clichê, mas uma das coisas boas de envelhecer é não se importar muito com esses termos. A verdade é que eu aprecio cada vez mais as pessoas que ganho de presente e, a cada ano, o número só aumenta.

Tive a felicidade de fazer três eventos de lançamento do meu novo livro em lugares totalmente diferentes e fui igualmente feliz em todos eles. Pude rever leitores, conhecer outros e, acima de tudo, pude receber amor. E oferecer também.

Ainda me pergunto o que eu fiz de certo para merecer tantos gestos abnegados, tantos sorrisos sinceros e tanta admiração. Talvez, cada leitor tenha sido colocado em meu caminho para me tornar uma pessoa melhor, para renovar a minha fé no ser humano e para que a minha vida seja repleta de coisas boas.

Por tudo isso e por tudo aquilo que eu não consigo expressar porque só acontece quando a gente se olha, se abraça e se reconhece como parte de algo maior, é que agradeço. Sou inexplicavelmente feliz por esse pedaço de mundo que, mesmo pequeno, me pertence, e foram vocês que me deram. Quero que saibam que percebo quando os olhos marejam e as palavras faltam. Eu noto quando você tenta me dizer que mesmo sem te conhecer eu te entendo. Eu noto porque eu também não me sinto sozinha quando descubro que mais gente sente o que eu sinto.

O melhor presente, aquele que me faz voltar a colocar chapéu colorido, assoprar velinhas e celebrar os parabéns é saber que, de um jeito mágico, nós estamos conectados. E eu sou eterna e profundamente grata por cada laço invisível que nos ata entre uma linha escrita e outra lida.

Obrigada a cada um que saiu de sua casa e foi me ver nos lançamentos que aconteceram no Rio de Janeiro, Porto Alegre e São Paulo. Obrigada à Mariana, à Luciana, à Katielle, ao Anderson, ao Caleb e à Ceile por terem organizado os eventos, por fazerem questão de me fazer feliz e por espalharem meus livros como quem deposita sementes acreditando na colheita. Será que um dia eu conseguirei retribuir? Só posso dizer que nunca me faltarão palavras para vocês, que eu sempre entregarei os meus mais nobres sentimentos e que não há distância que impeça o nosso abraço.

No mais... Parabéns para mim, que tenho vocês nesta data querida, muitas felicidades, muitos livros escritos ainda. Rá-tim-bum. :)

Christine M.
Professora, escrevedora, pensante.
Saiba mais: www.christinem.com.br

2 pessoas comentaram

Deixe seu comentário

avatar novo conceito

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Sandra Regina Melo

Sandra Regina Melo - 04 de Agosto de 2014 às 19:51

Emoção...muitas e as melhores...só sentimentos bons :)

Compartilhar via Facebook Logar via Twitter

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Bruna Mendes

Bruna Mendes - 04 de Agosto de 2014 às 19:27

Parabéns Christine!!! Felicidades hoje e sempre! <3

Compartilhar via Facebook Logar via Twitter

Cadastrando sua mensagem, por favor aguarde...

Receba nossa newsletter

Fique por dentro das novidades

Grupo Editorial

Novo Conceito

UMA EQUIPE JOVEM, pronta para DESTACAR-SE NO MERCADO PUBLICAndo CONHECIMENTOS, lançando autores E FAZEndo HISTÓRIA.

  • Emily Giffin

    UMA PROVA DE AMOR

    Emily Giffin